Skip to main content

GP Ravelli reúne ciclistas de todo o Brasil em Itu no próximo domingo

Por 28 de julho de 2022Esporte, Mountain Bike, Notícias
COMPARTILHE:

Competição idealizada por Márcio Ravelli é uma celebração à categoria que o consagrou, o mountain bike

Itu, a 99 quilômetros de São Paulo, vai estar em festa neste domingo, dia 31, com a realização da terceira etapa do GP Ravelli. Também chamada de ultramaratona, a prova consiste em uma competição XCM ou mountain bike de longa distância e vai reunir centenas de ciclistas profissionais e amadores que se aventurarão pelos mais variados tipos de vias, de estradas de terra a pavimentadas, com muitos desafios pelas trilhas naturais que encontrarão no meio do caminho.

Márcio Ravelli jovem

O GP Ravelli, organizado pela Equipe Ravelli, foi idealizado por um dos maiores nomes do ciclismo nacional, Márcio Ravelli, que começou a competir aos 8 anos no BMX, quando já demonstrava habilidade arrasando no Freestyle. Mas foi aos 19 que ele encontrou a sua vocação no mountain bike, competindo em 1991 na modalidade cross country. E é nessa categoria que Ravelli se tornou uma referência, inclusive representando o Brasil na primeira incursão do MTB nas Olimpíadas, nos Jogos de Atlanta, em 1996, além de faturar 13 títulos como campeão brasileiro.

Para a prova do próximo domingo, o próprio Márcio Ravelli fez questão de participar de todas as etapas de preparação, do traçado do trajeto à infraestrutura que dará suporte aos participantes. Esse esforço não é nenhum sacrifício já que o Ravelli vive declarando que dedica sua vida ao ciclismo. E essa dedicação vai além dos treinos e dos eventos que promove, ela se estende à promoção da vida saudável e aos cuidados com o meio ambiente. No regulamento do GP Ravelli 2022, por exemplo, está prevista a desclassificação do atleta que for flagrado jogando lixo “de qualquer espécie” durante o percurso.

Além de servir de palco para essa etapa do GP Ravelli, Itu também tem um significado especial para Ravelli, pois é sua cidade natal e local onde a paixão pelo ciclismo brotou. E foi lá que ele conheceu, nos anos 1990, Josivan Alencar, que é hoje diretor da fábrica e loja de bicicletas e acessórios GTSM1. A parceria entre os dois amadureceu ao longo das décadas e hoje a empresa é a maior patrocinadora do evento, feito que se realiza há quatro edições, com sua sede na cidade paulista servindo de ponto de partida e de chegada para os competidores.

GPR Ravelli Serra da Canastra

“Em 2021, Ravelli e GTSM1 ousaram mais uma vez, concebendo uma Linha Premium que iniciou com sete modelos de bicicletas de alta performance e que, hoje, somam novidades atrás de novidades”, conta o analista de desenvolvimento da GTSM1, Therbio Felipe. “O upgrade que essa parceria trouxe ao mercado nacional é, até o presente momento, de grande impacto e está gerando muitas expectativas”, complementa.

GPR Ravelli Serra da Canastra

Com as inscrições encerradas na quarta-feira, 27, resta agora aos participantes se prepararem para a prova no próximo domingo. A etapa de Itu do GP Ravelli será dividida em três categorias: Pró (largada às 7h, percurso de 106 km), Sport (largada às 8h, percurso de 63 km), e Light (largada às 8h30, percurso de 36 km). Boa sorte e bom pedal a todos os competidores!

Aliança Bike

Criada em 2003 e formalizada em 2009, a Aliança Bike tem como missão principal fortalecer a economia da bicicleta, além de trabalhar para que mais pessoas pedalem no Brasil. A entidade atua em diversas frentes de trabalho para atingir os objetivos. Conta com mais de 180 associados entre fabricantes, montadores, importadores, distribuidores e lojistas.