Mercado alemão de bicicletas pedala com vento a favor | Bicicleta News

Por 11 de março de 2021Bicicleta News, Notícias
COMPARTILHE:

O faturamento do setor da bicicleta na Alemanha em 2020 alcançou 10 bilhões de euros (R$ 66,5 bi). A mudança de comportamento por conta da pandemia gerou um aquecimento geral no mercado, mas por lá também cresceu o valor médio das bicicletas vendidas. A razão para esse aumento é a proporção maior na venda de elétricas.

Os números:

As vendas (em unidades) de bicicletas e e-bikes totalizaram 5,04 milhões em 2020. Crescimento de 16,9% em relação ao ano anterior;

As vendas de e-bikes foram de 1,95 milhão de unidades 38,7% das vendas totais. Foram 43,4% mais e-bikes vendidas do que em 2019;

O volume de negócios (em euros) com bicicletas e e-bikes atingiu o valor de 6,44 bilhões de euros (R$ 42,7 bi) em 2020, um aumento de 60,9% em relação a 2019;

As vendas totais do setor, incluindo bicicletas, componentes e acessórios, alcançou um volume de quase 10 bilhões de euros (R$ 66,5 bi) na soma de todos os canais de vendas;

O preço médio de cada bicicleta vendida em 2020, incluindo e-bikes, foi de 1.279 euros (R$ 8.400) e pode ser explicado pela alta proporção de elétricas.

Confira mais detalhes sobre os resultados do mercado alemão de bicicletas em 2020 no site da Zweirad-Industrie-Verband (ZIV), a associação da indústria da bicicleta.

Recebeu essa nota de alguém e quer receber notícias do mundo da bicicleta em primeira mão? Mande uma mensagem para nós.

Prefere o Telegram, estamos lá também. Basta clicar no link.