Guia de micromobilidade compartilhada

COMPARTILHE:

Este guia tem como objetivo auxiliar gestores públicos locais na implantação e aperfeiçoamento de sistemas compartilhados públicos de micromobilidade. Dessa forma, traz como inovação “tropicalizar” questões já debatidas por outros guias internacionais e amplamente reconhecidos, através do esforço de pensar os sistemas compartilhados públicos no contexto das cidades brasileiras – debatendo temas prementes no contexto nacional e trazendo exemplos de melhores práticas já implantadas neste cenário.

APOIO TÉCNICO
Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável por meio da
Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH

Diretor Nacional
Michael Rosenauer
Coordenador do Projeto
Jens Giersdorf

PRODUTO ELABORADO PARA:
PROMOB-e
Cooperação Alemã para o Desenvolvimento Sustentável
Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH

EXPEDIENTE:

Coordenação
Fernando Fontes
Victor Andrade
Daniel Guth

Autores
Daniel Guth
Filipe Marino
Juliana DeCastro
Victor Andrade

Revisão
Ana Terra

Projeto gráfico e diagramação
Ricardo Campos

RESUMO EXECUTIVO

O objetivo central da produção deste Guia para implantação e aperfeiçoamento de sistemas de compartilhamento público de micromobilidade no Brasil é oferecer um instrumento de consulta e apoio aos gestores públicos e privados interessados na implementação de melhores práticas para a promoção de soluções de micromobilidade compartilhada, em prol de cidades mais sustentáveis. Esta publicação é parte do PROMOB-e (2017–2020), um projeto de cooperação técnica executado pelo Ministério da Economia em parceria com o Ministério Alemão de Cooperação Econômica e para Desenvolvimento por meio da Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbeit (GIZ) GmbH, que atua diretamente na consolidação da mobilidade elétrica no Brasil.

Diversos organismos internacionais apontam para a urgência de mudar o paradigma da mobilidade urbana em busca de práticas mais sustentáveis. As experiências internacionais sobre micromobilidade mostram que esses sistemas podem contribuir para o alcance de múltiplos objetivos do desenvolvimento sustentável, entre eles a criação de cidades mais saudáveis, inclusivas, resilientes e prósperas, assim como podem colaborar na transição para uma economia de baixo carbono e no combate às mudanças climáticas.

Um dos elementos centrais desta publicação é a análise investigativa das melhores práticas mundiais e brasileiras (benchmarking) em relação à implementação, operação e divulgação de sistemas de micromobilidade compartilhada, sobretudo elétrica, que possam ser replicados no Brasil.

Este guia traz ainda como inovação “tropicalizar” questões já debatidas por outros guias internacionais e amplamente reconhecidos, através do esforço de pensar os sistemas de compartilhamento público no contexto das cidades brasileiras. Para isso, são debatidos temas prementes no c enário nacional e oferecidos exemplos de melhores práticas já implantadas. Assim, apresentam-se conceitos, propostas e experiências de forma a considerar as peculiaridades e realidades brasileiras a partir do breve histórico nacional de sistemas de micromobilidade
compartilhada.

A metodologia proposta neste guia é de criar um roteiro de amplo entendimento da micromobilidade compartilhada através de conceituação de tópicos-chaves, suas formas de operação e seu detalhamento em oito dimensões analíticas: Regulação (1); Arranjo institucional, financiamento e geração de receita (2); Desenho do sistema (3); Intermodalidade (4); Infraestrutura urbana (5); Promoção do uso (6); Equidade e diversidade; (7) e Dados e monitoramento (8). Cada uma dessas dimensões apresenta os pontos essenciais para caracterizar, implementar, gerir e monitorar experiências bem-sucedidas de micromobilidade no mundo e no Brasil.

Pioneira no Brasil, esta iniciativa pretende se tornar uma referência nacional na produção de soluções adequadas à realidade brasileira a partir do auxílio a gestores locais na implantação e no aperfeiçoamento de sistemas de compartilhamento público de micromobilidade.

Receba nossas novidades por e-mail